Pular para o conteúdo

Entenda a importância de economizar combustível

    Saber economizar combustível é uma ação que pode se tornar benéfica em diversos aspectos, partindo do quesito financeiro até o impacto que a queima desses resíduos causam no meio ambiente como um todo.

    Ao longo deste artigo, traremos um pouco mais sobre a importância da economia de combustível, além de listar algumas dicas que podem ajudar a economizar esse recurso que está totalmente arraigado em nosso cotidiano.

    Economia de combustível: do que se trata?

    Para entender como poupar combustível, primeiro é preciso entender o que é seu consumo. A quantidade de combustível que um veículo usa é medida com base em uma proporção da distância percorrida por unidade de combustível usado. 

    Aqui no Brasil, normalmente utilizamos a quantidade de quilômetros que um carro pode percorrer com 1 litro de combustível (normalmente medido com gasolina e etanol).

    Há uma série de fatores que influenciam a quantidade e a velocidade do combustível que um veículo usa, como os parâmetros do motor de um automóvel, peso, arrasto aerodinâmico, resistência ao rolamento, resistência mecânica, entre outros.

    Fatores que influenciam o consumo de combustível

    Embora todos os fatores que influenciam a eficiência de combustível de um determinado veículo sejam importantes na medição geral, outras variáveis entram em jogo, uma vez que o veículo é colocado na estrada.

    Assim como os seres humanos, os carros precisam de oxigênio para funcionar. Quanto maior a altitude, menor a pressão atmosférica, ou seja, menor a quantidade de oxigênio por volume na atmosfera.

    Com o ar rarefeito, o desempenho do carro diminui. Isso porque o motor passa a receber menos ar e menos combustível a serem queimados no interior dos cilindros, resultando em menor potência, a menos que os carros possuam turbo.

    Calcula-se que um carro perde, aproximadamente, 1% de sua potência a cada 100 metros de altitude.

    Outro fator que tem uma parcela de influência é a temperatura do ambiente. Em dias muito frios, o consumo de combustível do carro pode aumentar.

    Mesmo com tantos fatores mecânicos, ambientais, climáticos e geográficos atuando na natureza, o fator humano entra como um dos principais concorrentes.

    Especialmente entre motoristas com pouca experiência ou mal instruídos, até mesmo sem chave canivete codificada, uma vez que o meio automobilístico está repleto de mitos e “macetes” que são pouco recomendados por especialistas.

    Um mito comum e que até hoje circula entre motoristas antigos é que andar com o carro desengrenado (o famigerado “ponto morto”) reduz o consumo de combustível. Isso podia até ser verdade nos carros antigos que utilizavam carburadores, como o fusca e as kombis.

    No entanto, os carros modernos que utilizam a injeção eletrônica param de liberar combustível quando o motorista não está acelerando.

    Portanto, conduzir o carro desengrenado terá o mesmo gasto de combustível do que um carro devidamente engatado em que não está havendo aceleração. 

    No entanto, o carro nessa situação tem maior desgaste no freio, uma vez que não está ativo o freio-motor da embreagem e também tem maiores chances de perder o freio.

    Entre outros problemas dos fatores humanos está a má condução, observada especialmente em veículos de empresas, que devem permanecer sempre atentas ao gasto com a frota.

    Pesquisas recentes indicam que o combustível representa 24% do custo operacional marginal médio de uma frota. Assim, premiar funcionários que apresentam baixo consumo de combustível pode ser uma boa medida.

    Seja por dirigirem adequando as rotações do motor, alternando corretamente as marchas, ou por escolherem as melhores rotas a partir do uso de bons aplicativos de rotas.

    O ar-condicionado também é um ponto essencial a se considerar, uma vez que dirigindo em baixa velocidade, pode realmente aumentar o consumo de combustível.

    No entanto, ao dirigir em alta velocidade nas rodovias, as janelas abertas aumentam a resistência do ar e, consequentemente, o consumo de combustível, portanto mantenha o conserto ar condicionado em dia.

    Por que essa prática é importante?

    Nos dias de hoje, todos queremos economizar. Nesse sentido, é importante considerar alguns fatores para concretizar essa ação, vinculada à economia de combustível:

    • Menos gastos com abastecimentos; 
    • Reduz o impacto ambiental; 
    • Diminui a dependência da importação do petróleo;
    • Aumenta a sustentabilidade energética.

    São uma série de benefícios ao economizar com gasolina, álcool, diesel e afins, que serão discutidos mais detalhadamente a seguir.

    1 – Maior controle de gastos

    O preço da gasolina mais do que triplicou nos últimos dez anos, diferentemente de um corte a laser em chapa de aço inox.

    Cada vez mais, os brasileiros precisarão pensar com cautela a respeito da economia de combustível ao comprar um carro e tomar essa decisão com base em seu estilo de vida e requisitos de direção.

    Embora os fatores que influenciam a eficiência do combustível desempenhem um papel significativo, talvez o mais importante seja aquele que controla o veículo. 

    A maneira de dirigir pode ter um grande impacto no consumo de combustível. Para fazer com que cada gota valha a pena, acompanhe nossas dicas de economia de combustível mais adiante.

    Economizar dinheiro é essencial, pois as pessoas possuem outras prioridades, como por exemplo, se você deseja ter um cão, pode ir em um pet shop para adotar cachorros e investir seu dinheiro em itens para o seu novo animal de estimação.

    2 – Diminui o impacto no meio ambiente

    Nos Estados Unidos, carros e caminhões são responsáveis ​​por quase um quinto de todas as emissões do país. 

    Muito do dióxido de carbono emitido vem da extração, produção e entrega de combustível, embora a maior parte seja atribuída ao consumo desse combustível e aos gases de escape resultantes.

    Felizmente, os carros de hoje são fabricados com o consumo de combustível como um fator importante a ser considerado pelas montadoras, escolher um carro com baixo consumo de combustível é simples, em comparação a uma década atrás.

    3 – Redução de custos de dependência de petróleo

    O volume de petróleo bruto produzido começará a cair à medida que aumenta a necessidade de combustível.

    O Brasil tornou-se cada vez mais dependente da importação de combustível refinado, diferentemente das letras caixas com led, produzidas no próprio país.

    A partir das novas políticas de equiparação de preços com o mercado internacional, a dependência desse recurso é um risco para a nossa economia, e devemos ter isso em mente ao tomar decisões de compra de automóveis.

    4 – Aumenta a sustentabilidade energética

    Imagine que o nível de consumo de combustível de um aluguel de ônibus para passeio é alto, provavelmente devido a sua potência. 

    Portanto, a economia de combustível é essencial para causar menos impactos ambientais. Certifique-se de admitir somente profissionais capacitados para pilotar o ônibus. 

    Para que as gerações futuras atendam às suas necessidades de energia, as fontes de combustível devem ser desenvolvidas a partir de recursos renováveis ​​que sejam limpos e eficientes.

    Essas fontes de combustível também devem ser usadas com sabedoria e de forma otimizada, sem desperdícios.

    A maioria dos veículos rodoviários funcionam com petróleo como fonte de combustível e, embora não pareça haver uma escassez terrível ainda, ninguém sabe exatamente quanto tempo essa fonte vai durar.

    É por isso que, como motoristas, devemos contribuir para garantir a sustentabilidade energética de nossos filhos, adotando bons hábitos de direção e mantendo seu veículo em boas condições de direção, tanto mecânica quanto elétrica.

    Dicas aliadas na economia de combustível

    Algumas práticas simples certamente são capazes de auxiliar na economia de combustível, sem que para isso você tenha que fazer mudanças e cortes súbitos. Portanto, comece desligando o câmbio automático em estradas sinuosas, ascendentes e descendentes.

    Além disso, quando for viajar ou dirigir por estradas mais longas, procure planejar a rota e evitar manobras repentinas. Outras recomendações nesse sentido são:

    • Use o óleo de motor correto;
    • Mantenha os pneus calibrados;
    • Diminua o peso desnecessário;
    • Reduza a resistência do ar;
    • Evite ligar o ar-condicionado e o aquecimento;
    • Desligue o motor em semáforos com grandes tempos de espera;
    • Dirija na marcha correta.

    Todas essas dicas, quando aliadas e colocadas em prática corretamente, evitam que seu veículo seja abastecido com muita frequência, proporcionando maior economia, de maneira simples. 

    O que também auxiliará na preservação de seu automóvel. Ainda que um serviço de auto socorro 24 horas seja de grande auxílio para um possível problema, a depender do dano no carro, seu bolso pode sair prejudicado.

    Conclusão

    A utilização correta e econômica de combustíveis é essencial para reduzir diversos impactos monetários e ambientais. Inclusive, a preservação do meio ambiente é um dos tópicos mais alarmantes atualmente. 

    Seguir alguns passos como utilizar corretamente a marcha do carro, desligar o ar-condicionado e preservar bem o motor do carro podem auxiliar a gastar menos dinheiro, que será investido em outras soluções, como abrir sua própria fábrica de camisetas lisas.

    A economia, em todos os sentidos, é essencial para você alcançar diversos outros sonhos. Portanto, não perca mais tempo e comece a colocar em prática os pontos abordados neste conteúdo.Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.