Pular para o conteúdo

Entenda a importância de economizar combustível

    No ano de 2021, o preço do combustível sofreu um aumento expressivo de mais de 70%, sendo assim, torna-se muito importante saber como economizar gasolina, evitando o gasto excessivo.

    Existem alguns motivos para esse crescimento significativo do preço do combustível, envolvendo o mercado em escala mundial. 

    Entre eles podem ser destacados:

    • Alta na demanda do petróleo;
    • Oferta de petróleo não acompanhou o crescimento;
    • Dólar custando mais caro;
    • Crescimento dos preços dos biocombustíveis.

    Portanto, devido ao fato de a gasolina ser um subproduto do petróleo, qualquer variável que o atinja acaba influenciando na sua cotação, necessidade e preço. 

    Logo, todas essas ações em relação ao petróleo acabaram influenciando no aumento do preço da gasolina.

    Imagine que o preço do cimento subiu, como o concreto é feito a partir desse material, ele também terá o seu preço aumentado, o que gera um aumento do preço de produção de uma calçada de concreto. O mesmo funciona com o petróleo e a gasolina de modo real. 

    Por que economizar combustível?

    Nesse contexto, torna-se muito claro o principal motivo para a importância de economizar combustível em geral, referente à diminuição dos gastos financeiros, os quais, neste caso, podem impactar significativamente a saúde financeira do indivíduo. 

    Dessa forma, o indivíduo, ao invés de abastecer 3 vezes no mês, ele pode abastecer apenas 1 vez, juntando esse dinheiro que seria gasto e possibilitando a ele comprar algo de seu interesse, como um computador novo

    Além disso, ao diminuir o consumo de gasolina, é realizada uma ação a mais que pode ajudar o meio-ambiente e diminuir a poluição, investindo na preservação da natureza e da qualidade do planeta. 

    Dessa maneira, uma pequena mudança nas rotinas é capaz de auxiliar na diminuição da quantidade de gás carbônico emitido, o que, em larga escala e longo prazo, consegue beneficiar muito a natureza e a qualidade do ar.

    Assim, na prática, uma distribuidora de açaí que possui 5 caminhões consumindo altas quantidades de gasolina e todos liberando gases de poluição, se ela diminuir a quantia consumida, ela já diminui de forma significativa a emissão de cada um deles. 

    Portanto, pequenas ações de economia de combustível podem ter um impacto enorme e direto tanto no meio-ambiente, quanto na vida pessoal de cada pessoa. 

    Quais ações adotar para economizar gasolina

    Nesse cenário, serão analisadas e destacadas algumas ações que, ao serem implementadas no cotidiano das pessoas, podem ser muito benéficas para auxiliar na diminuição do consumo de gasolina, seguem elas.

    Utilize o ar-condicionado apenas se necessário

    O ar-condicionado é uma ferramenta dos automóveis muito agradável e utilizada pelas pessoas, mas, no que se refere à economia de combustíveis, ele pode acabar dificultando o processo. 

    Sendo assim, em situações em que ele não é extremamente necessário, como em determinadas estações ou climas, é preferível a abertura das janelas, uma vez que o resfriamento acontece de forma natural, sem gasto adicional. 

    Por exemplo, se uma pessoa que está dirigindo até uma empresa de avaliação patrimonial e mora no Nordeste, estando em época de verão, o ar estará muito quente e o vento não irá ajudar a refrescar, então ele não pode ser dispensado, mas em outros casos é possível. 

    Para que o ar-condicionado funcione, é preciso que ele seja ligado pelo motor do automóvel, o que acaba se relacionando diretamente com o consumo de gasolina pelo mesmo. 

    É preciso destacar que essa dica não é algo obrigatório, pois há consciência de que, em alguns lugares do país e situações, não é possível, devido à alta temperatura ou à característica seca e quente do ar, além de ser algo para o trânsito nas áreas urbanas. 

    Além disso, no caso de o veículo estar acima de 80 km/h, como nas autoestradas, é aconselhável o uso do ar-condicionado ao invés das janelas, uma vez que o vento gera uma resistência sobre o carro, neste caso sendo maior e gastando mais combustível. 

    Ande de acordo com a marcha

    Outra ação que pode ajudar na economia de combustível é respeitar as trocas de marchas do automóvel. 

    O aconselhável é que ela aconteça a cada 3 mil rotações por minuto, pois esticá-las em excesso ou passá-las muito rápido pode exigir do motor a mais. 

    Contudo, é preciso destacar que esse ponto exato varia de acordo com cada veículo e seu motor, assim como a bateria de caminhão é única de cada um deles, necessitando a visualização do material e de suas instruções. 

    Isso porque cada veículo possui um giro específico e ideal para seu desempenho como motor ou para economizar o uso dele e o gasto do combustível. 

    Dirija com cuidado

    Durante a direção em si, algumas ações acabam influenciando na quantidade de gasolina consumida. 

    Para isso, é importante manter uma velocidade constante, evitando frear e acelerar de forma brusca, pois todas essas ações exigem menos do motor e do seu gasto. 

    Essa dica também deve ser aplicada em engarrafamentos, nos quais é importante estar atento aos veículos ao redor, visando antecipar seus movimentos e eliminar a necessidade de ações bruscas. 

    É importante que o motorista acelere e desacelere de maneira gradativa, além de não atingir velocidades muito altas.

    Afinal, mais velocidade indica maior uso do motor e resistência do vento, o que acaba gastando mais combustível. 

    Portanto, mesmo que uma pessoa esteja atrasada para chegar aos serviços de certificação, é importante estar atento às ações ao redor, visando evitar a necessidade de parar ou acelerar do nada, diminuindo o gasto energético. Lembre-se de ir devagar sempre. 

    Realize manutenções preventivas

    Quando um condutor realiza manutenções preventivas de seu automóvel, ele diminui os problemas gerados em diversas partes do seu funcionamento, influenciando no gasto do motor e na sobrecarga do carro em geral, o que será melhor analisado a seguir. 

    A revisão e troca do filtro de ar permite que o ar que chega na câmara de combustão esteja limpo e puro, o que faz com que a mistura com o combustível seja melhor, assim, garantindo uma queima eficiente. 

    De forma geral, é aconselhada essa troca a cada dez mil quilômetros rodados, mas é algo genérico, podendo mudar de acordo com os filtros e veículos usados. 

    A vela precisa ser trocada, uma vez que é a responsável por certificar que o combustível é queimado com o mínimo de desperdício possível, necessitando estar pronta para as ações, operando com qualidade. 

    O intervalo de tempo entre as trocas varia muito também de acordo com a montadora, exigindo esse conhecimento e sua manutenção antes do surgimento de problemas, garantindo um acompanhamento de qualidade.

    A troca do óleo também é necessária depois de um certo intervalo de tempo, faz com que haja uma lubrificação, limpeza e redução do atrito, o que acaba reduzindo o calor do motor, o que está totalmente relacionado com o consumo de gasolina. 

    Para terminar, é preciso ter em mente que a melhor situação para esses casos é aquelas que exigem menor atrito com o solo. 

    Sendo assim, é essencial evitar o trânsito com pneus murchos, necessitando de um acompanhamento de sua calibragem. 

    Portanto, em geral, a manutenção constante e seguindo uma prevenção, antes de os problemas de fato começarem a aparecer, evita o motor de realizar mais trabalho e consumir mais combustível do que o necessário. 

    Evite exceder a carga do veículo

    Neste ponto é importante destacar a importância de não levar muito peso no carro, uma vez que, se ele estiver mais pesado, o motor deverá “se esforçar” mais para aguentar toda a carga, consequentemente, necessitando de mais gasolina para o trabalho. 

    Para isso, é essencial evitar levar coisas a mais do que o necessário durante as deslocações comuns, como não guardar malas cheias durante o dia a dia, as quais podem ser deixadas em algum outro local. 

    Por exemplo, se uma empresa de barraca para evento está em um dia de trabalho de montagem, ela precisará levar todos os seus materiais até o estabelecimento, mas, nos dias sem essa necessidade, é essencial que ela os tire do veículo e deixe em outro lugar. 

    Não use o acelerador em certos momentos

    Quando o carro está parado no farol, é muito importante que o condutor não o acelere, pois é uma ação desnecessária e que facilita o esvaziamento do tanque em menos tempo. 

    Para prevenir essa ação, deve-se estar atento aos acontecimentos no trânsito à frente do carro, pois isso impedirá o motorista de acelerar antes da hora, diminuindo a quantidade de combustível enviada ao motor pela injeção eletrônica. 

    Considerações finais

    Em suma, o preço da gasolina subiu consideravelmente nos últimos meses, destacando a importância de diminuir o seu consumo e economizá-la, gerando uma folga para o estado financeiro do indivíduo naquele mês, além de ajudar na preservação do meio-ambiente. 

    Deve-se destacar que existem pequenas ações que podem ser feitas, mas são capazes de garantir diversos dos benefícios desejados. 

    Isso porque, se uma empresa de transporte de cargas diminuir uma pequena parte do consumo de cada frota, o resultado será enorme. 

    Esses hábitos foram destacados ao longo do desenvolvimento deste artigo e, ao serem implementados ao cotidiano das pessoas, é capaz de diminuir significativamente o gasto com gasolina. 

    Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.