Pular para o conteúdo

TRAVA ZAP É CONSIDERADO CRIME?

    Se você já ouviu falar do trava zap, mas ainda não sabe o que é e como funciona, continue lendo este artigo até o final.

    O que é Trava zap?

    O Trava Zap é um texto cheio de letras e números que são enviados para alguém, com o objetivo de bloquear o aplicativo de quem o recebe.

    Ele faz com que a pessoa que o recebe não consiga mexer em nada, nem receber ou enviar mensagens.

    Assim, quando um contato recebe uma dessas mensagens no chat, o WhatsApp entende que precisa parar de funcionar o aplicativo.

    A única solução para corrigir este erro, é desinstalar o aplicativo do Whatsapp e reiniciá-lo – o que significa que o histórico de mensagens irá desaparecer se caso não for feito um backup antes.

    Além de colar códigos, o Trava Zap também pode ser enviado na forma de mensagens de contato e, em alguns casos, mensagens com caracteres aleatórios podem até travar o telefone completamente, exigindo uma reinicialização para tentar corrigir o erro e amenizar os danos.

    Falando em trava zap, conheça o site que pode te ensinar com travar qualquer WhatsApp, e o site chamado que travazap.xyz que lá você achara como, trava zap pesado copiar, trava zap android, trava zap fake, etc…

    Como funciona o Trava Zap?

    Mensagens contendo vários caracteres aleatórios podem bloquear o aplicativo do WhatsApp, tanto no Android quanto no iPhone, além de códigos de link compatíveis com ambas as plataformas. 

    De acordo com a advogados, essa prática já se tornou muito conhecida e utilizada no mundo todo.

    Conhecida por divulgar conteúdos aleatórios no WhatsApp, com códigos maliciosos que podem impedir que a mensagem seja compartilhada em grupos privados, no WhatsApp diretamente ou online. 

    Afinal, enviar Trava Zap é crime?

    Segundo alguns advogados, as pessoas que enviam o Trava Zap pode ser considerado um crime cibernético porque promove um dano objetivo ou material, como prejudicar a aplicação de telemóvel, ou com o propósito de perturbar uma pessoa.

    Quando se trata do que é relativamente novo, os bloqueios do trava zap não são claramente definidos. 

    Além disso, a privacidade dos usuários não é atraente e nem prejudica as vítimas.

    Isso parece bem óbvio, mas vale lembrar que o trava zap não danifica o aparelho da vítima. 

    Então, quando você envia um e-mail para alguém com um código do trava zap, você não prejudica o celular.

    A memória, processador, chip e qualquer outro dispositivo funcionará perfeitamente, o maior problema será o aplicativo WhatsApp Messenger, que estará todo bugado.

    Como se proteger do trava Zap?

    Alguns sites ensinam como se proteger do trava zap e fornece algumas dicas para evitar que o trava zap danifique o aplicativo e perca seu histórico de mensagens. 

    Se você receber uma mensagem de texto com novas mensagens e puder ver a parte de notificação das mensagens pelo aplicativo, não abra o aplicativo WhatsApp. 

    Tente acessar a mensagem sem abrir a página.

    Depois bloqueie o contato que que te enviou e apague a mensagem.

    Além disso, o recebimento de códigos também pode ser evitado usando as informações que você pode adicionar aos grupos de jovens. 

    Para fazer isso, vá para as configurações do aplicativo e vá para “Conta”. Em seguida, clique em “Privado” e, na guia “Grupos”, clique ao lado de “Meus contatos” e informe aos contatos que você não poderá adicionar mais membros ao seu chattar.

    A outra dica importante é que você sempre economize tempo fazendo backup de seus aplicativos.

    Assim, você pode evitar a perda de informações importantes se tiver o Trava Zap no seu celular. 

    Por meio do aplicativo, você pode reduzir o tempo de backups automáticos e configurar backups para serem executados diariamente. Para fazer isso, acesse as configurações do WhatsApp, toque em “Conversas” e faça backup de todas as conversas.

    Dessa maneira, você estará fazendo uma faxina em todo o seu histórico.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.