Pular para o conteúdo

Brinde de volta às aulas: por que aderir essa técnica?

    Brinde

    A comunicação do marketing e da publicidade é algo que realmente merece muito destaque e muita atenção, seja qual for o segmento. A distribuição de brinde de volta às aulas no segmento educacional é apenas um exemplo disso.

    De fato, tem muito empresário ou gestor que não entende que o marketing tem uma comunicação universal, presente em todo tipo de empreendimento. 

    Basta imaginar o caso de um médico, ou mesmo de um advogado, para entender isso melhor.

    Ambas as profissões são reguladas por órgãos federais, que impedem que tais segmentos façam uma propaganda muito apelativa, que pudesse manipular os clientes e pacientes. Contudo, ainda assim há várias modalidades de marketing que são permitidas.

    No caso da educação não é diferente, já que toda escola também tem um fluxo de caixa, uma receita anual e até metas de crescimento, tal como uma loja de cortina romana sob medida, ou seja, há um aspecto comercial em toda corporação.

    Lembrando que isso vale tanto para uma educação presencial e clássica, quanto vale para uma educação mais moderna nos moldes atuais. Como são, aliás, as modalidades de EaD, de curso livre ministrado pela internet e daí em diante.

    Portanto, se todo negócio tem sua missão, sua visão e seus valores, naturalmente todos vão precisar de uma narrativa que permita comunicar isso ao público. Daí que haja escolas que crescem sem limites, ao passo que outras não conseguem.

    Lembrando que há vários outros pilares que também influenciam nisso, como a questão das pessoas envolvidas no projeto, desde a direção até a recepção do colégio. Sem falar no próprio corpo docente que precisa ser formado por bons professores.

    Ou ainda, a questão do processo que será aplicado, não apenas do método de ensino (que é indiscutivelmente fundamental), mas também do método de gestão dos vários departamentos, para garantir uma filosofia de trabalho consistente.

    Seja como for, para além desses pilares, há o marketing, tanto o externo quanto o interno. 

    Este último é o que garante que uma empresa de porta corta fogo, por exemplo, consiga engajar seus próprios funcionários, fazendo eles vestirem a camisa.

    Inclusive, os brindes de que vamos falar aqui também poderiam se voltar para os colaboradores, como é o caso de camisetas, chaveiros e caderninhos que uma vez dados para os funcionários, tendem a se disseminar até fora da empresa.

    Neste caso, a estratégia seria aquela do que hoje se chama endomarketing. No entanto, nosso foco aqui vai ser o dos brindes voltados para os clientes, isto é, para os pais que são os responsáveis pelos alunos, bem como para os próprios estudantes.

    Assim, o que estamos tentando deixar claro no começo deste artigo, é que o marketing, independentemente da técnica aplicada ou do nicho de atuação da marca em questão, é o grande responsável por protagonizar a consolidação e expansão das escolas.

    Consolidação no sentido de que ele ajuda seu colégio a conquistar cada vez mais a predileção dos pais e alunos. 

    Além de com isso também afastar a concorrência, garantindo que o nome da sua escola se fortaleça em sua região.

    Expansão porque isso também vai garantir que a gestão ganhe a centralidade necessária para crescer de modo sério, sólido e sustentável. 

    Mais ou menos como uma loja de auto peças que se consolida e decide expandir para várias unidades ou franquias.

    Por isso, é que se tornou tão importante explicar detalhadamente o que são os brindes de volta às aulas. 

    Depois, também vamos listar as melhores dicas e conselhos de quais brindes você pode aplicar a partir de hoje na sua estratégia.

    Sem falar no custo-benefício que isso pode gerar, pois há muitos itens que servem como cortesia que podem ser comprados no milheiro, ou seja, em grande quantidade, com valor baixo e retorno de imagem bastante alto.

    Basicamente, estamos falando de uma das estratégias mais simples e mais impactantes que o marketing e a publicidade podem garantir. 

    Como algo que já existe há muitas décadas, sem dúvidas, mas que continua gerando bons frutos.

    Também é legal fazer um alerta neste sentido, pois vivemos a era do marketing digital, em que uma pessoa puxa o celular e procura pergolado com vidro pelo comando de voz, com ajuda do Google que é o maior motor de busca do mundo todo.

    Mas, isso não quer dizer que táticas antigas também não continuem funcionando. Portanto, para entender como o brinde de volta às aulas se insere nesse tipo de recurso que corre em paralelo à esfera online, basta seguir até o fim desta leitura com a gente.

    O que são esses brindes?

    Até aqui já ficou claro que os brindes nada mais são do que itens que uma marca decide distribuir aos seus clientes, de modo gratuito, como uma cortesia especial.

    Com a diferença de que no caso da educação eles podem ganhar um sentido muito mais amplo. 

    Afinal, as crianças e alunos têm uma grande diferença em relação a outros clientes comuns, que é o fato de que elas estão em fase de desenvolvimento.

    Sendo assim, tudo pode se tornar um fator de aprendizagem na vida de um aluno ou aluna. Eles aprendem com os professores, dentro ou fora da sala de aula, como aprendem com os pais, com os demais coleguinhas e daí em diante.

    Daí a diferença entre dar um calendário para o cliente de uma loja de Chaveiro para carros, e para um aluno do ensino fundamental.

    Deste modo, no contexto em que estamos desenvolvendo o tema aqui, os brindes ganham uma conotação mais ampla e podem assumir papel dentro da proposta pedagógica dos alunos, como é quando se trata não apenas de calendários, mas também de:

    • Livros;
    • Revistas;
    • Marca páginas;
    • Estojos;
    • Canetas;
    • Agendas.

    Enfim, são diversos itens e recursos que podem impactar qualquer cliente ou consumidor, mas que no caso de alunos e pais ou responsáveis ganham ainda mais sentido.

    De modo que neste caso a estratégia de marketing favorece os dois lados. Tanto a escola que vai conseguir fortalecer seu nome e marcar presença, quanto os alunos que vão ter orgulho de utilizar a cortesia que foi oferecida na volta às aulas.

    O calendário

    O colégio pode dar dois tipos de calendários, sendo o de parede ou o de mesa. Qualquer um dos dois pode se voltar para o estudante ou para seu responsável.

    No primeiro caso, ele pode ficar no quarto da criança, como subsídio para temporadas de estudos mais intensos, ou pode ser feito para ficar na cozinha da casa, de modo que é preciso definir isso na hora de escolher o melhor design.

    No segundo caso, para ficar sobre a mesa, também é preciso definir esse ponto, com a diferença de que ele costuma ser mais barato, por resumir todos os meses do ano em uma face única, ao passo que o outro costuma ter uma “folhinha” para cada mês.

    De todo modo, lembre-se de colocar seu logotipo no calendário. A escola também pode fechar parceria com outros comércios, como uma loja de bacia com caixa acoplada, que para aparecer no calendário pode ajudar com os custos gráficos dele.

    Os livros e revistas

    Aqui entramos em cheio em um dos melhores brindes que uma escola pode dar, haja vista que vai estimular uma das melhores práticas do mundo, que é a leitura.

    Inclusive, há projetos de várias instituições e ONGs que podem entrar na jogada, ajudando com os custos de impressão ou edição dos livros. Se forem publicações clássicas, pode ser ainda mais fácil conseguir, pois os direitos autorais já são livres.

    O marca páginas, aliás, também entra aqui, já que dificilmente você poderia colocar seu logotipo em um livro. 

    Portanto, junto vai um marca páginas com esse recurso, fazendo cada aluno e responsável se lembrarem da escola na hora de ler.

    Os estojos e canetas

    Aqui também temos algo próprio da rotina escolar, que também tem a vantagem de poder levar a marca da sua escola e com isso fortalecê-la.

    Talvez no estojo não seja possível imprimir seu logotipo, portanto, as canetas podem reforçar exatamente isso, tal como foi na relação entre livros e marca páginas.

    Aliás, as canetas estão entre os brindes mais tradicionais de todos, podendo atender desde uma indústria de laje treliçada em balanço até um berçário de bairro.

    As agendas

    Por fim, as agendas podem servir aos alunos ou aos adultos que são seus responsáveis. Um ponto bacana seria dar duas agendas, uma para cada um.

    Isso também permite um design interessante, que faz com que uma agenda seja mais formal e séria, ao passo que a outra pode ser em estilo infantil.

    As agendas também são um brinde universal, que uma escola do ensino fundamental pode usar com a mesma eficiência que uma fábrica de calandra de perfil manual.

    Considerações finais

    Sendo assim, hoje em dia é fundamental falar sobre estratégias de marketing para instituições de ensino, pois a concorrência está em todo canto.

    Por isso, acima detalhamos a questão dos brindes de volta às aulas, explicando porque exatamente aderir essa técnica e listando as melhores para começar a aplicar.

    Esse texto foi originalmente desenvolvido pela equipe do blog Guia de Investimento, onde você pode encontrar centenas de conteúdos informativos sobre diversos segmentos.

    Deixe um comentário

    O seu endereço de e-mail não será publicado.